Mercedes-Benz Classe X: marca lança picape para todos os estilos de vida

Menos de um ano após a apresentação do Mercedes-Benz Classe X, conceito que mostrou ao mundo as primeiras impressões da picape da Mercedes-Benz, a marca anuncia as versões que serão comercializadas na Europa a partir de novembro.

Foto via Divulgação/Mercedes-Benz

O novo Mercedes-Benz Classe X é a combinação de design progressista com excepcional versatilidade: de picape robusta adequada para o todo tipo de terreno a veículo familiar ideal para o estilo de vida urbano.

O modelo ultrapassa as fronteiras do universo clássico das picapes e oferece excelente dinâmica de condução, conforto, design ousado, segurança e conectividade. Serão oferecidas ao todo três versões, sendo elas equipadas com motores de quatro e seis cilindros, tração traseira e tração integral adaptável ou permanente, câmbio manual de 6 marchas e câmbio automático de 7 marchas. A introdução no mercado será gradativa, começando em novembro de 2017 na Europa. No início de 2018 a picape chega na África do Sul, na Austrália e na Nova Zelândia, e no início de 2019, Argentina e Brasil recebem a novidade.

O Mercedes-Benz Classe X foi desenvolvido especificamente para atender às novas exigências dos mercados internacionais de picapes. Esses veículos já não são mais utilizados simplesmente para trabalhos pesados. A demanda por picapes médias que combinam conforto e robustez às características típicas dos automóveis de passeio tem aumentado continuamente nos últimos anos. Com base nessas transformações, a Mercedes-Benz é a primeira fabricante premium a desenvolver um produto que engloba características oriundas de sua ampla experiência no desenvolvimento de veículos comerciais adequados para o trabalho, aliadas às dos automóveis que em todo o mundo são símbolo de conforto, segurança, sofisticação e prazer ao dirigir.

Continuar lendo

Versatilidade representada em três versões

A robusta picape de alta performance oferece um comportamento de condução extremamente dinâmico sem perder o aspecto de conforto. O modelo é composto por um chassi tipo escada, eixo traseiro multilink parcialmente rígido, suspensão independente na frente e molas helicoidais em ambos os eixos. A partir dessa plataforma, o Mercedes-Benz Classe X alinha, com seu design inconfundível, três versões para diferentes estilos de vida e uso profissional:

A versão Classe X Pure é ideal para a utilização funcional. Ela cumpre todos os requisitos para trabalhos pesados e, ao mesmo tempo, possui conforto e design que fazem dela um veículo igualmente adequado para reuniões com clientes e fornecedores, além de outras atividades pessoais.

Classe X Progressive destina-se a pessoas que desejam utilizar o veículo como “cartão de visita” para seu próprio negócio e buscam robustez com mais estilo, além de elementos de conforto para o dia a dia.

Classe X Power é a versão top de linha em termos de equipamentos. Ela destina-se a compradores para os quais o estilo, a performance e o conforto são prioridade. O Classe X Power é o veículo do estilo de vida além do “mainstream”, tanto para o espaço urbano, como para atividades esportivas e de lazer fora de estrada. Com seu design e elevado nível de equipamentos, ele reflete um estilo de vida independente.

Potência com elevado torque em quatro ou seis cilindros

Para uma performance de condução única, o veículo chega ao mercado com dois motores potentes e eficientes de quatro cilindros. O motor diesel common rail com 2,3 litros está disponível em dois níveis de potência. No X 220 d, ele gera 163 cv e no X 250 d biturbo, 190 cv. Ambos os modelos diesel estão disponíveis na versão com tração traseira e na versão com tração integral acionável, com direção à esquerda e à direita. O modelo a gasolina X 200 de 165 cv é fornecido somente com direção à esquerda e tração traseira devido a requisitos específicos de determinados mercados, como Dubai e Marrocos. Todos os motores se caracterizam por um funcionamento suave e com pouca vibração, e por ótima performance com baixos valores de consumo. A transmissão é manual, com seis velocidades. Para os modelos X 250 d e X 250 d 4MATIC de 190 cv, está disponível também uma transmissão automática de 7 velocidades.

Em meados de 2018 será lançado um motor diesel V6 com torque elevado, que garantirá uma agilidade ainda maior em estradas e fora dela. Este motor desenvolve uma potência de 258 cv e um torque máximo de 550 Nm. Isto coloca o X 350 d na posição líder no segmento. O modelo top de linha do Mercedes-Benz Classe X  terá, de série, a tração integral 4MATIC permanente e a transmissão automática 7G-TRONIC PLUS com borboletas no volante para troca de marchas, com função ECO start/stop. Além disso, o sistema DYNAMIC SELECT está à disposição. O seletor de modos de condução, até agora raro no segmento das picapes, permite obter um desempenho individual de condução, seja ele mais confortável, descontraído e até esportivo. É possível selecionar cinco programas de condução: Comfort, ECO, Sport, Manual e Offroad. Eles variam a curva característica do motor, os pontos de mudança de marcha e a função ECO start/stop.

Foto via Divulgação/Mercedes-Benz

Parceria de produção com a Renault-Nissan

Com o Mercedes-Benz Classe X, a Mercedes-Benz Vans completa o seu portfólio com uma quarta família, completando assim a lacuna que existia entre os veículos comerciais e os automóveis. Deste modo, a picape constitui um novo marco na estratégia de crescimento “Mercedes-Benz Vans goes global”.

A picape da marca será fabricada por meio de uma parceria de produção com a Aliança Renault-Nissan. A produção para o mercado europeu, australiano e sul-africano começa em 2017 na fábrica da Nissan em Barcelona, Espanha. O Mercedes-Benz Classe X para o mercado latino-americano sairá da linha de montagem da fábrica da Renault em Córdoba, Argentina, a partir de 2019. Com a picape, a Daimler AG e a Aliança Renault-Nissan estão ampliando a cooperação estratégica existente há sete anos.

Deixe seu comentário

comentários